Reactor: Vem aí mais um projeto de apoio a startups

      Comentários fechados em Reactor: Vem aí mais um projeto de apoio a startups

526663 / Pixabay

Nascido da união entre a Porto Business School, a Beta-i, a Bright Pixel e a Lionesa, o Reactor promete ajudar as jovens empresas nacionais a passar da ideia ao negócio.

Quatro entidades conhecidas pelo apoio ao empreendedorismo decidiram juntar forças para criar um novo projeto de ajuda a startups.

“A Porto Business School, Beta-i, Bright Pixel e Lionesa uniram-se para criar o REACTOR, o mais recente projeto de apoio à inovação e empreendedorismo”, explica um comunicado oficial enviado para a redação do Economia ao Minuto.

Segundo os promotores, o Reactor “promete revolucionar o universo da inovação empresarial e dos novos empreendedores e startups, já a partir de novembro de 2017”, através de várias iniciativas que têm por base a região Norte, mas que estão disponíveis para empresas de todo o país.

“O Reactor terá como principal objetivo promover a inovação junto do tecido empresarial, empreendedores e startups, dando-lhes acesso a áreas tão essenciais como a consultoria, aceleração, investimento, redes nacionais e internacionais, comunidade empreendedora, entre outros.”

Cada entidade envolvida na criação do programa terá uma função diferente no projeto: a Porto Business School “assegura a coordenação, gestão e implementação do projeto”; a Beta-i ajuda as empresas a passar da ideia ao negócio com a experiEncia acumulada nos últimos anos; a Bright Pixel ajuda na “captação de recursos financeiros externos necessários para o investimento em startups que deverão dar resposta a um conjunto de desafios reais das empresas”; e a Lionesa serve de ‘casa’ às empresas integradas no Reactor “ao abrigo do projeto Lionesa 2025”.

Fonte: AICEP – Portugal Global

Related posts:

Spread the love

Comments

comments